Afonso Dhlakama sepultado num cemitério familiar

Uma semana depois de ter falecido, aos 65 anos, Afonso Dhlakama, presidente da Renamo, foi sepultado. Foi montado um recinto para a cerimónia religiosa católica. Afonso Dhlakama, presidente da resistência nacional moçambicana (Renamo), foi sepultado esta quinta-feira num cemitério familiar envolvido por uma floresta, uma semana depois de morrer refugiado noutra, na Serra da Gorongosa. A sua aldeia Natal, Mangunde, 300 quilómetros a sudoeste da cidade da Beira, transfigurou-se para receber milhares de pessoas. Uma aldeia…

"Afonso Dhlakama sepultado num cemitério familiar"