Uma agência funerária decidiu confiscar o corpo de um homem que havia falecido em Arca, capital de Gana, e estava sendo enterrado no momento. A medida foi tomada, no