Ossufo Momade é natural da Ilha de Moçambique, na província de Nampula, o maior círculo eleitoral do país, fortemente dominado pela Renamo
Politica SAÚDE

Quem é Ossufo Momade, o homem certo para suceder a Dhlakama?

Ossufo Momade é natural da Ilha de Moçambique, na província de Nampula, o maior círculo eleitoral do país, fortemente dominado pela Renamo. É de etnia macua e de religião muçulmana, que predominam no norte de Moçambique, incluindo parte da Zambézia, representando cerca de 30% e 20% da população moçambicana, respetivamente. Estes fatores tornam Momade o homem certo para suceder a Dhlakama.

Até à sua eleição, Momade ocupava o cargo de chefe de Departamento de Defesa e Segurança da Renamo.

Durante a guerra, abriu e liderou a frente norte de Moçambique. Tal como Afonso Dhlakama, Ossufo Momade já esteve nas forças armadas lideradas pela FRELIMO (Frente de Libertação de Moçambique), onde chegou a ser designado comissário político e militar. Comandou um dos batalhões do Exército de Moçambique antes de ser capturado pelos guerrilheiros da Resistência Nacional de Moçambique (RNM, hoje Renamo), em dezembro de 1978. E nunca mais voltou, ou seja, filiou-se ao movimento.

Tenente-general, atualmente na reserva, Momade ingressou na política após os acordos de paz de Roma, em 1992, tendo sido deputado pela Renamo e mais tarde secretário-geral do partido, antes de ser nomeado chefe do Departamento de Defesa em 2012.

Expresso

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *