Ex-mulher do fundador da Microsoft renuncia à Fundação Bill e Melinda Gates e vai receber 11,6 mil milhões de euros

Melinda Gates, co-fundadora da Fundação Bill e Melinda Gates, anunciou sua renúncia à organização, revelando que receberá uma quantia substancial de 12.5 mil milhões de dólares (11,6 mil milhões de euros) como parte do acordo com o seu ex-marido, o fundador da Microsoft, Bill Gates.

Num comunicado publicado na rede social X (antigo Twitter), a filantropa de 59 anos explicou que a sua decisão de renunciar foi um movimento estratégico na sua transição para “o próximo capítulo da minha filantropia”.

“Após cuidadosa reflexão, decidi renunciar ao meu cargo de co-presidente da Fundação Bill e Melinda Gates”, diz o comunicado de Melinda. “O meu último dia de trabalho na fundação será a 7 de junho.”

“Estou imensamente orgulhosa do trabalho extraordinário da fundação para abordar as desigualdades em todo o mundo”, afirmou Melinda. “Chegou a hora certa para avançar para o próximo capítulo da minha filantropia.”

Reconhecendo a necessidade de apoiar mulheres e meninas globalmente, Melinda destacou o seu compromisso de utilizar os 11,6 mil milhões de euros para avançar com a causa da igualdade de género e apoiar famílias necessitadas.

“Este é um momento crítico para mulheres e meninas nos EUA e em todo o mundo — e aqueles que lutam para proteger e promover a igualdade precisam de apoio urgente”, disse. “Nos termos do meu acordo com o Bill, ao deixar a fundação, terei mais 12.5 mil milhões de dólares para dedicar ao meu trabalho em prol das mulheres e famílias”. (Executive Digest)

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Content Protection by DMCA.com