OMS reforça capacidade de diagnóstico da COVID-19 em Moçambique

A Organização Mundial da Saúde (OMS) vai hoje reforçar a capacidade de diagnóstico de COVID-19 em Moçambique com a entrega de uma nova máquina de testes em laboratório ao Ministério da Saúde, anunciou a organização.

Segundo a OMS, trata-se de um aparelho Multiplex qPCR, usado no laboratório que permite, numa única reação, identificar e quantificar rapidamente e em simultâneo, múltiplos organismos patogénicos, incluindo vírus, bactérias, parasitas e fungos que causam doenças infeciosas, auxiliando assim no seu diagnóstico e tratamento eficazes.

“À semelhança dos outros países, Moçambique regista um aumento do número de casos de COVID-19”, refere a OMS, pelo que “o reforço da capacidade de diagnóstico do novo Coronavírus continua a ser uma das intervenções importantes para conter a propagação da doença”.

Este é o segundo aparelho deste tipo doado pela OMS no âmbito da preparação e resposta a pandemia de COVID-19. O actual foi adquirido pelos fundos da Aliança Global de Vacinações e Imunização (GAVI).

Moçambique testou 28.586 casos suspeitos desde o início da pandemia, em 11 de março, com uma taxa de positivos de 3%, segundo dados das autoridades de saúde.

O país tem um total acumulado de 859 infetados, com cinco óbitos e 228 recuperados.

O País

Loading...
Tags:

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *