Conceituada jurista Iveth Mafundza alvo de críticas por aparecer no spot publicitário da FRELIMO

Por Julião Arnaldo

 

A Inveja e o Bolsonarismo!

A opção consciente pela Frelimo de boa parte dos artistas, se não todos actores do nosso mosaico artístico nacional, tem causado pilha de nervos e inveja aos detratores da nossa gloriosa e cinquentenária Frelimo.

A aparição no spot publicitário da nossa conceituada jurista, advogada, activista social, académica e artista musical (hip hop), Cda Iveth Mafundza levou a histeria algumas pessoas, na sua maioria invejosas e identificadas com a oposição. Até tu Alice Mabote?!

Há quem chamou-a de esfomeada por ter dado cara num spot publicitário do Partido de que ela sempre (público e notório) foi membro.

O facto dela ser activista social, o que levou a defender causas sociais de forma desapaixonada e profissional, não significa que ela tenha renunciado à sua qualidade de membro, ou seja algo que possa impedir de estar filiada a um partido político. Aliás, está forma errônea de ver as coisas vem ao encontro do que sempre dissemos, de que, as OSC são partidos políticos da oposição camuflados – que o diga o PODEMOS que ate então era AjUDEM, o CAD da Alice Mabote entre outros, por sinal, os verdadeiros esfomeados e sem onde morrer mortos.

Quando Ali Faque filiou-se a Renamo não foi objecto de chacota pública, mesmo sabendo-se de que em pleitos eleitorais anteriores, foi apoiante da Frelimo. De tal sorte que, hoje, é Vereador no Município de Nampula, autarquia dirigida pelo incompetente Paulo Vahale.

Deixem a Iveth Mafundza e outros artistas que se identificam com a Frelimo em paz. Cuidem de convencer outros tantos, óbvio, se tiverem competência para isso.

 

Loading...

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *