Parceiros internacionais voltam a apoiar Cruz Vermelha de Moçambique

A Cruz Vermelha de Moçambique já respira de alívio após o anúncio do retorno do apoio da cooperação internacional a esta instituição, que tinha sido cortado devido à crise financeira internacional.

Manifestaram interesse em continuar com a cooperação a Itália e a Finlândia, juntando-se à Cruz Vermelha da Bélgica, que já retomou o apoio, Espanha e Alemanha.

A informação foi revelada na segunda-feira, em Maputo, no âmbito do encontro de avaliação das capacidades nacionais de intervenção da Cruz Vermelha de Moçambique, que teve a participação de secretários provinciais e quadros da instituição.

A directora do Desenvolvimento Institucional e Recursos da Cruz Vermelha de Moçambique, Cristina Uamusse, disse que o retorno dos parceiros de cooperação vai reforçar as acções humanitárias da instituição.

A Cruz Vermelha de Moçambique pretendia, no encontro, identificar os pontos fracos e fortes das suas acções e elaborar estratégias para melhorar as intervenções.

“Temos o nosso plano estratégico, mas, como sabem, temos de nos adaptar aos novos contextos”, afirmou Cristina Uamusse.

Canal Moz

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *