Técnico de saúde afecto ao distrito de Ile, na Zambézia, viola sexualmente uma paciente

O indiciado está agora sob custódia policial.

O facto foi confirmado, esta segunda-feira, pelo chefe do departamento de Relações Públicas no Comando provincial da Polícia da República de Moçambique (PRM), na Zambézia.

Miguel Caetano explicou que o indiciado, de 32 anos, terá supostamente administrado à paciente, no acto da consulta, uma substância que a deixou inconsciente por algumas horas.

“Das investigações que foram levadas depois de a paciente ter acordado, houve um trabalho conjunto PRM e SERNIC porque a posterior o seu marido teria desconfiado do período da demora que a sua esposa levara com o técnico de saúde. Ela foi submetida a um exame laboratorial e percebeu-se que de facto foi mantida cópula com a senhora” , explicou.

Ainda no fim-de-semana, a PRM na Zambézia, deteve duas jovens indiciadas no tráfico e consumo de drogas, em Quelimane. (RM Zambézia)

Leave a Reply