Os erros mais comuns que aflige os relacionamentos

É normal que cometemos erros, ainda mais nos relacionamentos amorosos, é bem difícil se relacionar com outras pessoas ainda mais assim na convivência do dia a dia, pois cada pessoa é única e tem suas próprias manias e desejos, foi pensando nisso que o site de relacionamentos Meu Rubi listou alguns dos possíveis erros que podem afetar um relacionamento e até chegar ao ponto de rompimento. Confira a lista abaixo:

  • Perder a identidade:

É muito bacana que ambos tenham uma identidade como casal, mas quando isso sai do controle e acaba se perdendo um pouco da identidade individual um do outro, fica ruim para ambos, pois se perder de si mesmo por medo de perder o outro, uma hora acaba ficando sufocante e acabando com a relação.

  • Passividade e falta de interesse:

É um dos erros que mais atingem o relacionamento, pois acaba fazendo com que o outro não se sinta mais amado, mais desejado e querido. Por esses motivos acabam esfriando a relação e levando ao término.

  • Ciúmes em excesso:

No começo o ciúme pode até ser bom e muitas vezes engraçado, mas quando começa a ficar sério e em excesso, o outro começa a se sentir oprimido, o que poderá minar a relação.

  • Persistir no mesmo assunto que sabe que irá gerar uma briga:

Insistir na mesma tecla e cismar em trazer a tona conflitos do passado, é certamente um erro e tanto. Se ambos se perdoaram, é só seguir em frente e deu, não tem porque gerar brigas desnecessárias. Isso vai aos poucos destruindo a relação e com certeza o parceiro irá cansar.

  • Vingança:

Olho no olho, querer revidar sempre, prejuízo por prejuízo, é ser inconsciente duas vezes, é um sentimento inútil e como visto no anterior, se você já esqueceu e perdoou, não tem porque ficar com essa na cabeça.

É fato que todos esses erros acabam com qualquer relacionamento, até mesmo aqueles que são bem instáveis, afinal ninguém é de ferro, né?

É muito importante que ambos estejam dispostos a querer mudar, e muito mais que isso, mudar a si mesmo para terem uma boa convivência juntos.

Antes de julgar o outro, tente olhar para você primeiro e fazer uma auto análise de tudo o que tem feito para ajudar seu relacionamento a evoluir.

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *