Declarações dos padrinhos de casamento de Zófimo Muiuane e Valentina Guebuza, ouvidos ontem pelo Tribunal Judicial da Cidade de Maputo, convergiram no facto de que o réu, implicado na