Sector de Defesa reforça capacitação para protecção de criança em locais de conflito armado

O Ministério da Defesa Nacional, em parceria com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e o Institute Dallaire para Criança, Paz e Segurança, continuam empenhados em garantir a segurança e bem-estar das crianças em locais de conflito armado. É nesta senda, que instruendos do curso integrado de formação de praças fuzileiros, militares do curso de capacitação em matérias da componente naval e tirocinantes provenientes da Academia Militar Marechal Samora Machel beneficiam da Formação de Pré-desdobramento sobre a protecção das crianças envolvidas em conflitos armados, que decorre desde esta segunda-feira, 13 de Maio, na Escola de Fuzileiro Navais na Katembe.

O curso visa doptar militares das Força Armadas de Defesa de Moçambique (FADM) de conhecimentos práticos para reconhecerem e responderem adequadamente às necessidades específicas das crianças em situações de conflito armado.
Pretende-se que os formandos sejam promovendo saibam lidar com situações complexas envolvendo crianças e promover a implementação de medidas de protecção em ambientes de conflito armado, de acordo com as normas internacionais e os princípios humanitários.
Para o Brigadeiro Abel Zicai que dirigiu a cerimônia de abertura do curso, esta formação serve de reforço de conhecimentos e competências dos militares para a prevenção da violação e do abuso dos direitos da criança em ambientes de conflitos armados, incluindo apoio psicossocial. Para tal exortou a colaboração de todos os envolvidos nesta formação para que se possa alcançar os objectivos preconizados, devendo se pautar pelo patriotismo, civismo, lealdade, ética, moral e disciplina, valores que caracterizam o militar das FADM.
Está formação constitui também uma oportunidade de reflexão sobre os desafios morais que militares enfrentam na linha da frente com as vitaminas de todas idades, entre outras matérias ligadas a prevenção da criança em teatros operacionais,  disse Carla Mendonça, da UNICEF.
Reafirmou o compromisso da organização em apoiar os esforços do Estado moçambicano na materialização de uma agenda de paz. (Nota Informativa)

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Content Protection by DMCA.com