General Hama Thai diz que Nhongo é indisciplinado, mas o PR deve dialogar com ele

O General na Reserva, António Hama Thai, fez este posicionamento numa entrevista recente ao Jornal Moçambique, um publicação pertencente ao Gabinete de Informação (Gabinfo).

Na referida entrevista, Hama Thai disse reconhecer a delicadeza do caso
Nhongo. “O Presidente Nyusi assinou o Acordo de 6 de Agosto com Ossufo Momade e ele não sabia que, dentro da própria Renamo, havia um grupo que estava fora da liderança do presidente eleito”, explicou. Para ele o Presidente da República deve avançar com conversações, para não deixar dúvidas no processo de Desmilitarização, Desmobilização e Reintegração (DDR).

Mesmo assim, o general na reserva entende que Mariano Nhongo é um indisciplinado, embora diz não o conhecer pessoalmente. Diz, Hama Thai, que pelas informações que lhe chegam através dos media, deve ser um indisciplinado porque não se explica que um quadro dentro de uma organização política questione a autoridade do seu
líder, pelo que devia ser punido severamente pela liderança do partido.

Adicionar um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *