Falso inspector de trabalho cai nas mãos da Polícia na Cidade de Maputo

Uma equipa da Inspecção-Geral do Trabalho (IGT) neutralizou um cidadão que, nos últimos dias, se fazia passar por um inspector do Trabalho, quando, na verdade, não tem nenhum vínculo com a Direcção do Trabalho, Emprego e Segurança Social da capital do país (DTESSCM) e muito menos com o Ministério do Trabalho, Emprego e Segurança Social (MITESS).

 O facto deu-se na passada Terça-feira, na empresa de venda de viaturas usadas importadas em que o visado, usando documentação falsa, sobretudo actas de fiscalização, com datas referentes ao ano passado, tentou, mais uma vez, burlar a respectiva entidade patronal.

Identificando por Sarmento Macome Júnior, um nome que ninguém ostenta na IGT na cidade de Maputo, o falso inspector do Trabalho foi posto fora de acção no local e entregue à Polícia, não obstante ter tentado escapulir-se da verdadeira brigada de inspectores que se encontrava em serviço no local, bem como da segurança da empresa.

Intitulando-se agente encarregue de fiscalizar a legislação laboral, o indivíduo em causa, que também já tinha sido detido anteriormente pela polícia, quando foi agrado a fazer-se passar por um inspector da INAE, forjava documentos que faziam parecer originais e cobrava às empresas sob o compromisso de não lhes passar a multa, derivada de alegadas infracções detectadas.

 O mesmo está agora a ser matéria de investigação pelas autoridades policiais, com vista a apurar-se os restantes elementos da rede, uma vez haver indícios de não estar a actuar sozinho.

Magazine Independente

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *