Beira saindo do isolamento total aos poucos

(…) por MARCELO MOSSE

A Beira ja está, aos poucos, a sair do isolamento total (por ar, mar e terra). A navegação continua condicionada. O isolamento pore terra agravou-se com a queda de uma ponte, ontem, na Estrada Nacional 6, que liga Nhamatanda à Dondo, como noticiou a TVM, com imagens mostrando violentas águas galgando essa ponte (num incidente que acabou levando à morte 9 mulheres que tentavam atravessá-la numa carrinha de caixa aberta).

Por ar, já há ligação com a cidade. O aeroporto da Beira havia sido temporariamente fechado até à meia de ontem mas já foi reaberto. A pista ficou intacta mas a iluminacção destruída, assim como o equipamento de rádio ajuda. A Aeroportos de Moçambique criou condições mínimas para a garantir da segurança dos voos. A LAM já mandou dois voos logo cedo para a Beira. O terceiro parte as 11 e um quarto as 16 horas de hoje. Esta manhã, a LAM mandou também um voo para o Chimoio. A Ethiopian Mozambique Aiways, de acordo com o seu PCA, Muktar Redi, só poderá retomar os voos para a Beira amanhã. Ele disse ter indicações de que o equipamento meteorológico está totalmente destruído. De restos, os aviões da EMA são os Bombardiers Q 400, que usam turbo-hélice e dependem muito de meteórologia favorável, sobretudo ventos. A LAM está a usar aviões à jacto, com uma maior autonomia de voo.

A cidade continua ainda sob um apagão a todos os níves. A Tmcel havia restabelecido algum trâfego por via da sua rede fixa mas ontem à noite e esta manhã não se consegue falar. “Carta” está a tentar recolher informação das operadores de telefonia móvel mas ainda não obtevce sucesso. Estamos a procurar de saber da dimensão dos estragos nas infra-estruturas de cada uma e sobretudo ter uma previsão sobre a retoma do trâfego dos seus serviços de voz e dados…(…)

(Carta de Moçambique)

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *