O presidente do Congo reage em defesa  de sua filha. O vídeo vazado é falso e todo o trabalho foi do partido da oposição O presidente do Congo