Moçambique reforça vigilância nas fronteiras por causa do vírus Ébola

O Governo considerou baixo o risco de o vírus Ébola chegar a Moçambique, garantindo que foi reforçada a vigilância nas fronteiras, principalmente por onde entram cidadãos da República Democrática do Congo, a braços com um surto. “O que foi dito pela representante da Organização Mundial de Saúde (OMS) é que o risco para o resto do mundo é considerado baixo“, Moçambique incluído, disse hoje em Maputo o director-nacional de Saúde Pública, Francisco Mbofana. Aquele responsável…

"Moçambique reforça vigilância nas fronteiras por causa do vírus Ébola"