«Vários clubes europeus perguntaram por Geny»

O Presidente da SAD do Amora revela interessados no moçambicano; Clube de Margem Sul detém 75 por cento dos direitos económicos do jogador mas não os direitos desportivos.

Sporting adquiriu, em 2020, 25 por cento do passe de Geny Catamo, continuando os restantes 75 por cento dos direitos económicos do jogador na posse do Amora, o clube que o acolheu quando chegou a Portugal proveniente dos moçambicanos da Associação Black Bulls.

Após empréstimos não muito bem sucedidos a Vitória de Guimarães e a Marítimo, o ala, 23 anos, explodiu esta temporada, com seis golos e cinco assistências em 39 jogos pelo Sporting. Este despontar não passa despercebido a clubes internacionais que têm entrado em contacto com o… Amora. «Neste momento, vários clubes europeus colocaram-se em contacto conosco para perguntar pela situação do jogador, mas sempre os informámos que não poderíamos fazer nada para a venda do seu passe porque o Sporting tem os seus direitos desportivos e nós só os direitos económicos», explica José María Gallego, presidente da SAD clube da Margem Sul.

Gallego garante ainda que o processo de compra do passe de Geny por parte do Sporting, por aquilo que tem conhecimento, está parado. «Neste momento não temos qualquer informação do Sporting, não temos notícias e tão pouco as esperamos a curto prazo, mas acho que o Sporting terá uma estratégia de aguardar receber alguma oferta de venda do Geny, mantê-la oculta e tratar de chegar a acordo prévio connosco conseguir um valor maior em caso de se produzir a venda», considerou, não estabelecendo valor para o passe do jogador.

Uma estratégia que os leões poderão adotar é tentar um entendimento com os Black Bulls, que têm 85 por cento dos 75 por cento do Amora do passe do moçambicano. (A BOLA

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Content Protection by DMCA.com