Assalto ao Millennium BIM: Imagens das câmaras de segurança denunciam envolvimento do guarda

A Polícia da República de Moçambique (PRM) em Sofala recolheu aos calabouços um agente da empresa de segurança privada G4S, supostamente por estar envolvido no assalto a um estabelecimento bancário, na tarde de terça-feira (30), na cidade da Beira.

O roubo aconteceu no Millennium Bim, por volta das 13h30, e foi protagonizado por cinco indivíduos a monte, que na altura estavam munidos de duas armas de fogo do tipo pistola, de acordo com a Polícia.Um grupo de indivíduos, disfarçados de uniforme da G4s, assaltou hoje, o Banco Millennium Bim Beira Clube. Os meliantes em número não especificado, entraram no balcão e levaram avultadas somas em dinheiro.

No local, os assaltantes, dois dos quais trajados de fardamento da G4S, feriram um guarda de 52 anos de idade no abdómen. A vítima continua sob cuidados médicos no Hospital Central da Beira (HCB).

Dos cinco ocupantes da viatura, dois estavam trajados de uniforme da empresa G4S, a mesma que garante a protecção daquele estabelecimento bancário”, disse Daniel Macuácua, porta-voz da Polícia naquele ponto do país.

Os presumíveis bandidos faziam faziam-se transportar numa viatura de matrícula não identificada e levaram consigo pouco mais de 28 milhões de meticais, segundo a PRM. As imagens das câmaras de segurança daquele banco sugere que o guarda ora preso, cuja firma a que está afecto presta serviços ao banco lesado, está envolvido no assalto.diligências continuam com vista a detenção dos cinco assaltantes” foragidos.

Num outro desenvolvimento, Daniel Macuácua contou que um outro grupo de cinco indivíduos, dos quais quatro pertencentes a uma outra empresa de segurança privada, estão a ver o sol aos quadradinhos, acusados de roubo de 1.500.000 meticais num estaleiro, no distrito de Dondo.

Os suspeitos tinham a missão de guarnecer as instalações assaltadas, mas optaram, supostamente, em aliar-se aos criminosos.

Jornal a Verdade

Loading...

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *