O site pessoal do presidente Michel Temer foi derrubado na tarde desta terça-feira (17). Ao que parece, a autoria do ataque partiu de uma conta no Twitter, chamada