Um experiente advogado do Quénia apresentou uma petição junto ao Tribunal Internacional de Justiça, em Haia, contra Israel e Itália, bem como figuras históricas mortas há mais de