“Só algumas escolas das capitais provinciais estão preparadas para reabrir” – Jorge Ferrão

Segundo o jornal O País, o antigo ministro da Educação e Desenvolvimento Humano, e actual reitor da Universidade Pedagógica de Maputo, Jorge Ferrão acredita que só algumas escolas da capital moçambicana poderão responder as exigências das medidas de prevenção da COVID-19, para a sua reabertura, no âmbito do “relaxamento” das medidas vigentes no decreto presidencial.

“Em algumas das escolas das cidades capitais é possível encontrarmos algum tipo de resposta, mas não seria uma resposta para um cenário 100% ideal, mas podia ser a 50%…Mas tem que haver um esforço”, disse Jorge Ferrão.

Na sua opinião, o reitor defende que as escolas tem a responsabilidade de prover condições de segurança para os seus alunos e trabalhadores a curto e longo prazo.

“…Ou teremos que fazer algumas mudanças radicais, se não fizermos essas mudanças logísticas poderíamos aproveitar ou optar por sistemas mais técnicos, que as escolas pudessem ter uma banda que permitisse o acesso etc.”, sugeriu a fonte.

E explica: “É uma visão que já algum tempo nós podíamos nos ajustar nela e não estivemos porque nos distraímos devido a vasta população estudantil que temos nas escolas.

O reitor falava esta segunda-feira, no programa Noite Informativa, que abordou o tema “A educação em Estado de Emergência: Proposta de retorno às aulas, pagamento de propinas e ajustamento de calendário”.

Leave a Reply