Moçambique conta com mais 13 casos positivos da COVID-19

SUBIU para 08 o número de pacientes com COVID-19 internados nas unidades sanitárias ao longo do País. Destes, 01 encontra-se nos cuidados intensivos. A Direcção Nacional de Saúde Pública (DNSP) anunciou ainda a existência de 13 casos positivos e 09 recuperados nas últimas 24 horas.

De acordo com a informação prestada esta quarta-feira, 17 de Junho, 04 dos 08 pacientes estão internados num Centro de Acolhimento criado para o efeito na província de Nampula, 03 numa unidade sanitária na cidade de Maputo e 01 na província de Sofala.

Destes, 07 apresentam sintomatologia leve e uma boa evolução clínica. O 8º apresenta um quadro clínico grave e está, por isso, numa sala de cuidados intensivos na cidade de Nampula.

Paralelamente à subida do número de internados, aquela autoridade sanitária reportou a existência de 13 novos casos positivos para a infecção do novo coronavírus, diagnosticados em um total de 751 amostras analisadas nas últimas 24 horas.

Todos os novos casos foram diagnosticados em cidadãos de nacionalidade moçambicana. 06 na cidade de Nampula, 02 no distrito de Mogovolas, 02 na cidade da Matola, 01 no distrito de Marracuene, 01 na cidade de Maputo e 01 na cidade de Pemba. Estão todos estão em isolamento domiciliar.

Por outro lado, a DNSP anunciou com satisfação a existência de mais 09 pacientes completamente recuperados, reportados nas últimas 24 horas. Trata-se de 06 cidadãos residentes na província de Cabo Delgado, 02 na de Sofala e 01 na província de Maputo. Todos superaram a infecção em isolamento domiciliar.

Assim, o País conta actualmente com um número cumulativo de 651 casos positivos de infecção pelo novo coronavírus, 588 dos quais por transmissão local e 63 importados.

Deste número cumulativo, 169 recuperaram da doença, 04 perderam a vida devido à COVID-19 e há registo de um paciente infectado que morreu por outras doenças, o que significa que há, no País, 477 pessoas com a infecção do novo coronavírus activa.

Refira-se que o País testou, até hoje, um total de 21.014 pessoas suspeitas de estarem infectadas.

*David Pentchiço Nhassengo*

Adicionar um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *