Essa informação foi dada a conhecer pelo chefe do executivo daquela província do norte do país. Arlindo Chilundo, disse que naquela província existe uma rede de pessoas que se