Entre todos os países cujos cidadãos foram consultados, a Serra Leoa tem a maior porcentagem de respondentes (84%) que disseram ter pago um suborno para obter serviços governamentais.