A professora doutora Iraê Lundin perdeu a vida, hoje, em Maputo, vítima de doença. Formada em antropologia e geografia política por uma Universidade da Suécia, Lundin leccionava metodologia