Assassinato de Valentina Guebuza atrapalha investigações sobre a dívida pública

Valentina Guebuza, filha do antigo Chefe do Estado moçambicano Armando Emílio Guebuza e gestora dos negócios milionários da família Guebuza, morta a tiros pelo seu próprio marido em sua residência no dia 14 de Dezembro de 2016. Valentina, era responsável pela gestão das principais empresas do seu pai, Armando Guebuza, que está sendo investigado por desvio de aplicação de fundos durante a sua governação, resultando em uma crise que está abalando o país todo. Informações…

"Assassinato de Valentina Guebuza atrapalha investigações sobre a dívida pública"

A propósito do Dia Mundial da Paz, Nyusi escreve a Papa Francisco

A missiva ao papa, com data de quarta-feira e divulgada ontem pela Presidência, surge na sequência da mensagem de Francisco, a propósito do Dia Mundial da Paz, assinalado a 01 de Janeiro. Filipe Nyusi recorda que o povo moçambicano “conhece o valor da paz porque já experimentou o drama da sua ausência e desfrutou dos benefícios da paz, por longos 22 anos”, aludindo ao acordo que Governo e Renamo assinaram em Roma em 1992, encerrando…

"A propósito do Dia Mundial da Paz, Nyusi escreve a Papa Francisco"

Ministra da saúde constata aumento de roubo de medicamentos

Ministra constata aumento de roubo de medicamentos no Sistema Nacional de Saúde e promete reforçar medidas para travar. “Apesar dos vários métodos e estratégias de controlo, ainda persistem roubos de medicamentos do sistema nacional da saúde” , disse Nazira Abdula, Ministra da Saúde. Nazira Abdula reconhece o facto e promete novas medidas eficazes anti-roubos de medicamentos.

"Ministra da saúde constata aumento de roubo de medicamentos"

Detidos Sete moçambicanos no Zimbabwe por prática de caça ilegal

Sete moçambicanos foram detidos, ano passado, pelas autoridades do Zimbabwe, indiciados do crime de caça ilegal, depois que a polícia e os fiscais da Autoridade Nacional de Gestão de Parques e Fauna Bravia (Zimparks) daquele país desencadearam uma operação conjunta. pratica Para além dos 443 caçadores furtivos de diversas nacionalidades (zimbabweanos, zambianos e sul-africanos) detidos na sequência da operação, a porta-voz da Zimparks, Caroline Moyo, disse que outras 57 pessoas foram condenadas a penas de…

"Detidos Sete moçambicanos no Zimbabwe por prática de caça ilegal"

PRM afirma categoricamente que cidadão morto na circular não era agente da Polícia

A Polícia da República de Moçambique (PRM) afirma de modo indiscutível que Miro Chilaúle, cidadão crivado de balas, última sexta-feira na Estrada Circular de Maputo, nunca fez parte da corporação. Recorde-se que dois indivíduos foram mortos a tiro, na última sexta-feira, na Cidade de Maputo, um na avenida 24 de Julho e o outro na Estrada Circular suposto”Polícia”. Este último, é apontado tanto pelos familiares assim como pela Associação Moçambicana de Polícias, como agente da…

"PRM afirma categoricamente que cidadão morto na circular não era agente da Polícia"

Renamo denuncia alegados casos de “provocações” protagonizadas pelas FDS

Renamo, partido este liderado por Afonso Dhlakama denunciou, ontem, alegados casos de “provocações” protagonizadas pelas Forças de Defesa e Segurança, que podem minar o prosseguimento das tréguas acordadas entre o Presidente da República e Afonso Dhlakama. A denúncia foi feita pelo porta-voz da Renamo, António Muchanga. “Queremos denunciar a ocorrência de provocações que estão a ter lugar no país, protagonizadas pelas Forças de Defesa e Segurança, que podem por em causa estas tréguas decretadas pelos…

"Renamo denuncia alegados casos de “provocações” protagonizadas pelas FDS"

PRM distancia-se das acusações da Renamo

O maior partido da oposição de Moçambique  veio a público, na segunda ferira, através do seu porta-voz António Muchanga, denunciar alegados casos de provocações e violações a trégua pelas Forças de Defesa e Segurança e PRM. Entretanto, a Polícia da República de Moçambique (PRM) distancia-se das afirmações da Renamo e diz que não reconhece nenhum caso de provocação e de sabotagem do acordo de cessação das hostilidades militares. “Nós nos distanciamos completamente dessas declarações. Como…

"PRM distancia-se das acusações da Renamo"

Peritos investigam causas do acidente do avião da LAM -Tete

Um equipa de peritagem composta por técnicos da empresa Linhas Aéreas de Moçambique (LAM) e do Instituto Nacional de Aviação Civil está a trabalhar para apurar as reais causas do acidente registado na aeronave desta companhia, em Tete. O director provincial dos Transportes e Comunicações de Tete, Romeu Sandoca, citado pela RM, disse que o Boeing 737-700, que sofreu danos na parte da fuselagem, na tarde de quinta-feira, quando se aproximava à pista de aterragem,…

"Peritos investigam causas do acidente do avião da LAM -Tete"

Já não há escolta militar no troço Vandúzi-Changara

As autoridades moçambicanas desactivaram, na manhã de quarta-feira, a escolta militar que vinha garantindo a circulação de pessoas e bens ao longo da Estrada Nacional Número Sete (EN7), no troço entre os distritos de Vandúzi e Changara, nas províncias de Manica e Tete. A escolta militar foi introduzida nos meados do ano passado, em resposta à intensificação dos ataques armados envolvendo o braço armado da Renamo e as forças governamentais. A porta-voz da Polícia da…

"Já não há escolta militar no troço Vandúzi-Changara"

Falta de comunicação entre Maquinistas provoca Acidente

Duas pessoas morreram ontem sábado (26),  na colisão entre dois comboios de serviço da Mota Engil que efectuavam manutenção na linha recém-inaugurada entre Lichinga e Cuamba. Dados em nosso poder dão conta de que a falta de comunicação entre os dois tripulantes das locomotivas, um de nacionalidade moçambicana e o outro  portuguesa, estaria por de trás do acidente. Para além dos mortos o acidente, provocou também alguns feridos ligeiros, que já estão sob cuidados das…

"Falta de comunicação entre Maquinistas provoca Acidente"