Helena Taipo exonerada do cargo de Governadora da província de Sofala

0
129
Chefe do Estado, Filipe Jacinto Nyusi, exonerou hoje Maria Helena Taipo do cargo de Governadora da província de Sofala e Santos Álvaro

O Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi, nomeou, através de Despacho Presidencial, Maria Helena Taipo para o cargo de Embaixadora Extraordinário e Plenipotenciário da República de Moçambique junto da República de Angola.

Em outros Despachos Presidenciais separados, o Chefe do Estado exonerou Maria Helena Taipo do cargo de Governadora da província de Sofala e Santos Álvaro do cargo de Embaixador Extraordinário e Plenipotenciário da República de Moçambique na República de Angola e da República Democrática de São Tomé e Príncipe.

Refira-se que durante o tempo em que esteve como Governadora, Taipo esteve no processo de recolha de armamento das forças de residuais da Renamo, quando a Unidade de Intervenção Rápida, decidiu invadir a casa do falecido líder da Renamo, Afonso Dhlakama.

Maria Helena Taipo foi Ministra do Trabalho no mandato do presidente Armando Guebuza, em 2015 foi nomeada Governadora da Província de Sofala.

Enquanto Ministra, Taipo destacou-se pela expulsão do treinador do Costa do Sol, Diamantino Miranda, depois de ter proferido palavras insultuosas durante uma partida de futebol.

Taipo ficou conhecida por combater irregularidades verificadas nas instituições geridas por chineses, indianos e Organizações Não- Governamentais na província da Zambézia.

Salientar que o Presidente Filipe Nyusi encontra-se numa visita de trabalho na província de Niassa, onde também realiza-se o simpósio das festividades dos 50 anos da realização do II Congresso da Frelimo (1968 – 2018).

O País

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here