Parlamento suspende plenária devido às exéquias de Dhlakama

A Assembleia da República vai suspender, esta semana, os trabalhos da plenária, de modo a permitir a participação dos deputados nas exéquias de Afonso Dhlakama, líder da Renamo, falecido na quinta-feira, na Serra da Gorongosa, em Sofala, vítima de doença, noticia a AIM.

As cerimónias fúnebres do líder da Renamo, o maior partido de oposição no país, vão decorrer nesta quarta e quinta-feira, primeiro com o velório na cidade da Beira, e depois uma cerimónia restrita de funeral no distrito de Chibabava, a cerca de 70 quiló­metros da Beira.

Para os dias 9 e 10, data em que serão realizadas as cerimónias fúnebres, o Parlamento tinha agendado a sessão de perguntas ao Governo.

O País

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *