Reino Unido disponibiliza dois biliões de libras para investimento em Moçambique

0
127
O Reino Unido vai disponibilizar cerca de dois biliões de libras estrelinas para investimentos no sector privado no país

O Reino Unido vai disponibilizar cerca de dois biliões de libras estrelinas para investimentos no sector privado no país. A garantia foi dada ao Presidente da República, Filipe Nyusi, durante o encontro realizado em Londres, entre o estadista moçambicano e o Secretário de Estado britânico para Comércio internacional, Liam fox.

As duas delegações discutiram sobre o investimento nas áreas de turismo, Agro-negócio, educação, gás e petróleo. O governante britânico disse, na ocasião, à delegação moçambicana, liderada pelo Presidente Nyusi, que o Reino Unido tem disponíveis 20 biliões de Libras esterlinas, distinadas ao sector privado do continente africano, dos quais dois biliões estão direccionados ao país.

Para além deste montante destinado ao desenvolvimento, o Secretário de Estado britânico para Comércio internacional prometeu mobilizar o empresariado para canalizar os seus investimentos a diversos sectores do país, com destaque para o sector privado, como forma de fortalecer a economia moçambicana.

Liam Fox entende que com os investimentos a serem canalizados ao sector privado irão permitir a estabilidade da economia moçambicana, facto que poderá promover a geração de renda e prosperidade.

Segundo o dirigente Britânico, o sector privado de Londres está disposto a embarcar nas oportunidades que Moçambique oferece, com as actuais descobertas de recursos naturais, com destaque para o gás natural, areias pesadas e carvão mineral.

Fox entende ainda que apesar da forte pressão internacional sobre as dívidas ocultas, Moçambique tem um futuro promissor.
Para o Ministro da Indústria e Comércio, Ragendra de Sousa, o sector privado nacional deve tirar vantagens colocadas no mercado pelos britânicos, pois os dois biliões de libras esterlinas para o investimento no país são colocados no mercado para permitir parcerias entre os empresários moçambicanos e britânicos.

Aliás, o governante moçambicano explicou ainda que o dinheiro terá múltiplas vantagens, pois é colocado à disposição dos empresários de forma atractiva e competitiva.

Entretanto, para além da audiência concedida ao Secretário de Estado britânico, o Chefe do Estado moçambicano reuniu-se igualmente com o Presidente da República Cooperativa da Guinea, Brigadeiro David Granger, e participou num almoço de trabalho com um grupo de empresários sob o tema “Turismo e Agro-negócios em Moçambique”.

Fonte: O País

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here