“ Frelimo deve afirmar-se como partido moderno e não absolutista”

0
67
É chegado o momento de a Frelimo dedicar mais tempo para se revelar grande e afirmar-se como partido moderno e não absolutista

A Frelimo, partido no poder, está reunida desde esta sexta-feira até domingo, na II sessão ordinária do Comité Central, a primeira depois da realização do XI Congresso, no ano passado.

Filipe Nyusi, presidente da Frelimo, dirigiu a cerimónia de abertura. Na ocasião, mencionou alguns pontos da agenda tendo destacado a análise da actual situação política, económica e social do país, com enfoque para o custo de vida. Por isso, exortou aos seus ‘camaradas’ a terem debates abertos e francos visando o alcance de soluções que possam trazer melhorias para a vida e bem-estar dos moçambicanos.

A recente derrota do partido na eleição intercalar em Nampula também será tema de debate. Aliás, neste município, a Frelimo está na oposição desde 2013, por isso, Filipe Nyusi considera que o município coloca à prova a capacidade do partido enfrentar e vencer os próximos pleitos eleitorais, tendo apelado aos membros do partido a se reinventarem.

É chegado o momento de a Frelimo dedicar mais tempo para se revelar grande e afirmar-se como partido moderno e não absolutista. O absolutismo não é característica do partido, porque a Frelimo nunca teve medo de mudanças. Só assim sairemos daqui mais revigorados, unidos e focalizados nos resultados da conquista de vitória para o nosso partido”.

Nyusi sustentou dizendo que o povo merece ser bem liderado e quem o pode fazer com responsabilidade é a Frelimo.

O País

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here