FC Porto nos oitavos de final da Champions League, Depois de três jogos consecutivos sem vencer (empates), o FC Porto recebeu e venceu na noite de ontem, o Mónaco por 5-2
DESPORTO

FC Porto nos oitavos de final da Champions League

Depois de três jogos consecutivos sem vencer (empates), o FC Porto recebeu e venceu na noite de ontem, o Mónaco por 5-2, em partida a contar para a sexta e última jornada do Grupo G da Liga dos Campeões.

A equipa azul e branca cumpriu a sua missão e aliou um grande resultado a uma exibição convincente perante o campeão francês que na época passada, foi semi-finalista da Liga milionária.

O FC Porto entrou a pressionar mostrando que queria resolver as coisas muito cedo, e os golos não tardaram, e Aboubakar, o suspeito de costume, apareceu para dar o ar da sua graça, bisou nos primeiros minutos dando total tranquilidade aos pupilos de Sérgio Conceição, e Brahimi, aumentou a vantagem antes do intervalo.

Os primeiros 45 minutos foram ainda marcados pela dupla expulsão no jogo. Felipe e Ghezzal envolveram-se num duelo aceso e acabaram por ir tomar banho mais cedo.

Na segunda parte, o Mónaco ainda reagiu, primeiro numa grande penalidade apontada por Glik, a castigar uma falta de Marcano, mas Alex Telles, numa bomba fora da área, voltaria a aumentar a vantagem do FC Porto.

Nota, ainda, para um belo momento no Dragão. O golo de Falcao, avançado querido nos azuis e brancos, que saiu do banco para fazer o 4-2. Não festejou e, curiosamente, ouviu os aplausos de todo o estádio.

Tiquinho Soares, que saiu do banco para o lugar de uma das figuras do jogo, Aboubakar, também deixou a sua marca selando o resultado final.

Com este resultado, os dragões garantiram um lugar nos oitavos de final, com dez pontos, menos quatro que o Besiktas que terminou na primeira posição do grupo.

[FM]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *