Dj Eduardo PM
CELEBRIDADES SOCIEDADE

Dj Eduardo PM pode vir a pegar uma pena de 16 a 20 anos de prisão maior

A Procuradoria na cidade da Beira afirma que o processo 4200/17 no qual é acusado o DJ Eduardo PM, está na sua fase de instrução preparatória. Enquanto decorrem as investigações o juiz de instrução criminal decidiu pela manutenção da prisão de Eduardo PM na Cadeia Central da Beira.

Segundo uma fonte do Ministério Público, o juiz de instrução manteve a prisão de DJ Eduardo PM por perceber que há bastantes matérias que precisam de ser apuradas sobre os circuitos por onde a droga passou até chegar a cidade da Beira.

A mesma fonte afirmou que medidas cautelares como a prisão do arguido, foram tomadas para que o mesmo não atrapalhe o decurso das investigações, estando neste momento o processo 4200/2017 em fase de instrução preparatória que poderá culminar com acusação do mesmo e posterior encaminhamento ao tribunal.

A fonte que temos vindo a citar, afirma que os elementos encontrados no momento da detenção de DJ Eduardo PM, são bastantes para que o mesmo seja acusado pelo Ministério Público.

DJ Eduardo PM está a ser acusado de prática de crime de tráfico de droga e de outras actividades ilícitas.

O Ministério Público entende que um crime deste género, encobre outros como o de branqueamento de capitais, daí a necessidade do Serviço Nacional de Investigação Criminal e a Procuradoria estarem a trabalhar no caso de modo a combater toda rede envolvida no esquema de tráfico da referida droga.

Com o decorrer das investigações aventa-se a possibilidade de mais pessoas puderem vir a serem detidas pelas autoridades.

Lembre-se que o DJ Eduardo PM, foi detido no dia 18 do mês em curso numa casa de festas no Bairro da Ponta Gea na cidade da Beira, tendo sido legalizada a sua prisão a 21 de Novembro e conduzido de imediato a cadeia central.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *