“Maria de Lurdes está a negar assinar o divórcio”,disse Mr. Bow:

0
277
“A única coisa que quero nela é divórcio, por isso é que gravei esta música para que tudo fique claro”, revelou Mr. Bow no Batidas.

O país parou para assistir a “novela” Mr. Bow e Lurdes”. Não é para menos, depois de tanto tempo sem se pronunciar detalhadamente sobre a separação e queixas no tribunal, Mr. Bow resume a sua amarga história amorosa com a empresária, lançando a música “Timaka ta ma Range” (Problemas do Range).

Sem esforço, percebe-se que foi com nervos a flor da pele que Bawito escreveu a composição da música acima referida, daí as críticas que dão conta que não era necessário expor a sua intimidade num som. No meio disto, em entrevista ao Batidas, o número 1 de Moçambique, assim considerou-se, deixou claro que gravar aquela música foi a melhor maneira de explicar o que realmente se está a passar.

“A única coisa que quero nela é divórcio, por isso é que gravei esta música para que tudo fique claro”, revelou Mr. Bow no Batidas.

Na ocasião, Mr. Bow também fez estas revelações:

  1. No período da separação (ainda em casa da “mana” Lurdes) vezes houve em que viveu em cativeiro;
  2. Teve de arrombar a porta para sair e poder fazer seus trabalhos;
  3. Suportou o desprezo da esposa e alguns familiares por ganhar pouco em relação a sua parceira;
  4. Se a Lurdes tivesse solicitado a devolução dos bens dela (viatura, principalmente) de forma directa teria devolvido sem hesitar;
  5. Chamou a imprensa (Fred Jossias e sua equipa) para presenciar o momento da devolução do carro pelo facto de a “dona” ter tornado público o assunto.
  6. A Lurdes não bancava a sua carreira. Não existe música e vídeo dele que a ex tenha costeado, por isso não é gigolô;
  7. Não frequenta o tribunal para exigir divisão de bens, mas sim o divórcio, o mesmo que a Lurdes nao quer assinar;
  8. Devolveu a viatura porque para além de não trazer paz a si e sua família, é o cumprimento do pedido dos seus fãs.

Fonte: Xigubo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here