Funerária confisca defunto durante enterro porque família não pagou taxa

Uma agência funerária decidiu confiscar o corpo de um homem que havia falecido em Arca, capital de Gana, e estava sendo enterrado no momento. A medida foi tomada, no último sábado (11), devido ao não-pagamento de uma dívida de R$ 25, aproximadamente.

O incidente na cidade africana ficou registrado em diversos vídeos, que captaram o momento em que os funcionários da agência funerária levaram o corpo graças à dívida da família.

funerária confisca
Corpo confiscado

Adusei Poku, diretor-clínico de um hospital de Accra, revelou à imprensa local que falou com o dono da agência, que justificou a medida por ser “uma pessoa disciplinada”. “Foi um trabalho particular que não tem nada a ver com o hospital”, destacou o médico.

“Existe o direito de confiscar o cadáver. E a família deveria ter informado de que estava com dificuldades em pagar em vez de levar o corpo”, assume, o dono da agência.

Os vídeos mostram dois homens abrindo o caixão e levando o cadáver sobre os ombros, perante o olhar estarrecido da família e dos amigos do falecido. Eles simplesmente receberam ordens para recolher o corpo.

Segundo relatos locais, a situação foi resolvida mais tarde, depois de um acordo, que permitiu que o enterro continuasse.

Confira os dois vídeos:


Feedclub

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *