ÚLTIMA HORA

“ Os roubos vão continuar em Moçambique porque somos humanos” diz Chipande


O político moçambicano Alberto Joaquim Chipande é um líder membro de longa data da FRELIMO. Ele foi o primeiro ministro da Defesa de Moçambique após a independência em 1975, permanecendo no cargo até pelo menos 1986, pelo Presidente Samora Machel.
Chipande foi também membro do Bureau Político da FRELIMO, que correu o governo por 18 dias no final de 1986 após a morte de Machel. 
Ultimamente não foi feliz num dos seus discursos que deu pra imprensa e esta sendo duramente criticado pela sociedade civil e também pela comunidade internacional visto que o país esta mergulhado numa terrível crise. 

Eis as palavras do Chipande:

7 thoughts on ““ Os roubos vão continuar em Moçambique porque somos humanos” diz Chipande

  1. Meus carros companheiro irmãos As palavras Dita por nosso camarada (Alberto Chipande) foi muito dolorosas ele como um grande pai da frelimo não podia diser aquelas palavras mas sim ele deveria dar uma Opinião oa povo disendo que O Povo pra aguentar firme que essa Crise vai passar é uma pequesa faze que tamos passando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *