Governo aumenta salário dos Deputados e corta a dos “pobres” funcionários públicos

O Ministério da Economia e Finanças, através da Direcção nacional de contabilidade Pública actualizou os vencimentos bases dos ex-deputados da Assembleia da República a efectos a casa do povo.
De acordo com um despacho na posse da FOLHA DE MAPUTO, o Presidente da Comissão passa a auferir 104.034.26 Meticais, e Membro da Comissão passa a ganhar 89.407, 35 Meticais.
Enquanto se aumenta o salário dos Deputados, o mesmo Ministério corta a dos “pobres” funcionários públicos que mais precisam neste momento de crise que o país enfrenta, ou seja uns são sacrificados e outros bonificados.
 Numa outra abordagem o ministro da Economia e Finanças, Adriano Maleiane, confirmou, na sexta-feira passada, que as horas extras no sector público não serão pagas em alguns casos considerados desnecessários. A decisão surge pelo facto de o Governo ter constatado que se continuar a pagar certas horas laborais, além da jornada normal de trabalho, o Estado pode ficar sem dinheiro para salários e pensões dos próximos meses, incluindo Dezembro.
2 Comments

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *